Termos Musicais

Conceitos Musicais

Termos Musicais


Duração - tempo de emissão do som.
Intensidade - propriedade do som de ser mais fraco ou mais forte.
Altura - propriedade do som de ser mais agudo ou mais grave.
Timbre - propriedade do som que permite reconhecer a sua origem.
Pauta ou Pentagrama - conjunto de cinco linhas horizontais e quatro espaços onde se escrevem as notas musicais.
Clave - símbolo que indica a altura da nota na escala musical, dando nomes às notas.
Compasso - divisão da música em pequenas partes de duração iguais ou variáveis.
Andamento - velocidade da música.
Intervalo - diferença de altura entre dois sons.
Semitom (ou meio tom) - menor intervalo usado na música ocidental.
Tom - (medida que indica a relação entre sons de alturas diferentes), soma de dois semitons.
Sustenido (#) - acidente que eleva em meio tom a altura da nota.
Bemol (b) - acidente que abaixa em meio tom a altura da nota.
Bequadro - anula qualquer acidente.
Escala - sucessão de notas separadas por tons ou semitons.
Escala cromática - aquela em que as notas se sucedem por semitons.
Escala diatônica - aquela em que as notas se sucedem por tons e semitons.
Graus - notas da escala numeradas a partir da nota inicial.
Modo - maneira como os tons e semitons se distribuem entre os grau da escala.
Notas Naturais (notas sem acidentes) - São sete. Dó, Ré, Mi, Fá, Sol, Lá e Si.
Escalas Relativas - Toda escala maior (modo jônio) tem sua escala relativa menor (eólio) saindo do VI grau. Toda escala menor (eólio) tem sua relativa maior (jônio) saindo do III grau.
Ponto de aumento: é um ponto que se escreve à direita da nota para aumentar metade de seu valor.
Duplo ponto de aumento: são dois pontos que se escreve à direita da nota para aumentar ¾ do seu valor.
Ponto de diminuição (staccato): é um ponto que se escreve em cima ou embaixo da nota para diminuir metade de seu valor.
Fermata: é um sinal que se escreve sobre a nota ou a pausa para sustentá-la por um tempo que corresponde aproximadamente o dobro de seu valor.
Ligadura: é uma linha curva que une duas notas da mesma altura, somando as suas durações. (ligadura de duração)
Valor simples: é a nota sem ponto de aumento.
Valor composto: é a nota com ponto de aumento.
Unidade de tempo: é a nota que representa um tempo do compasso,
Compasso simples: é aquele em que a unidade de tempo é um valor simples.
Compasso composto: é aquele em que a unidade de tempo é um valor composto.
Quiálteras: são grupos de notas que não obedecem á divisão normal do compasso ou á sua subdivisão normal de seus tempos.
Contratempo: é a deslocação de um acento normal do compasso.
Sincopa: é a supressão de um acento normal do compasso, pela prolongação do tempo fraco ou parte fraca de tempo, para tempo forte ou parte forte de tempo.
Staccato: (destacado) as notas se sucedem destacadas, perdendo metade de seu valor.
Notas enharmônicas: são as que tem a mesma altura e nomes diferentes.
Melodia: é uma sucessão de sons de alturas e valores diferentes, que obedece a um sentido lógico musical.
Acorde: é uma combinação simultânea de três ou mais sons diferentes.
Harmonia: é um conjunto de acordes e/ou a ciência que estuda os acordes e suas disposições.
Contraponto: é a arte de escrever duas ou mais melodias simultâneas.
Tonalidade: é o conjunto de funções dos graus da escala e dos acordes sobre eles formados.